Blefaroplastia Transconjuntival: entenda mais sobre a técnica sem cortes na pele

A Blefaroplastia Transconjuntival é uma técnica muito interessante, porém não é tão conhecida quanto as demais cirurgias.

Quando uma paciente jovem apresenta bolsas de gordura nas pálpebras inferiores, mas não tem excesso de pele em evidência, pode ser realizado a Blefaroplastia Transconjuntival, ao invés da técnica tradicional, chamada de Blefaroplastia Transcutânea ou Miocutânea com cortes na pele.

Entenda como é o procedimento da Blefaroplastia Transconjuntival

As bolsas de gordura são acessadas por dentro das pálpebras, dessa maneira é possível retirá-las sem precisar fazer cortes na pele. A técnica de Blefaroplastia Transconjuntival, também, pode ser indicada para os pacientes com idade mais avançada que apresentam pouca pele para serem retiradas na pálpebra inferior.

A grande vantagem é que algumas pacientes, ainda jovens na faixa etária de 25 até 40 anos, apresentam bolsas proeminentes que devem ser retiradas, mas sem excesso de pele.

Qual cuidado deve ser tomado na Blefaroplastia Transconjuntival?

Se o paciente que não possui esse excesso tiver a pele cortada, corre o risco de puxar as pálpebras para baixo, promovendo mal posicionamento na parte branca dos olhos, o que deixa a área à mostra, chamada de esclera aparente.

Este problema até tem correção, mas não pode ser provocado sem motivo. A Blefaroplastia Transconjuntival é uma excelente opção para quem possui bolsas de gordura em excesso e não apresenta volume de pele.

  • Share post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Agendamentos

Somos uma Clínica Particular, não atendemos
Convênios ou Planos de Saúde.

Os valores de Cirurgias e/ou Procedimentos serão
orçados SOMENTE após a consulta médica.
A central de agendamentos não possui informações sobre valores.

Valor da consulta: R$ 700,00